Janeiro Roxo - conscientização e prevenção da Hanseníase

Doença crônica e transmissível, que atinge principalmente a pele e nervos periféricos.

O Brasil ocupa a segunda posição entre os países que registram novos casos da doença.

A identificação e o tratamento correto, atualmente realizado pelas unidades básicas de saúde, são fundamentais para evitar novos casos. Sendo logo no inicio do tratamento, eliminada a possibilidade de transmissão.

Observar com muita atenção a pele e procurar atendimento médico em caso de

alterações, fazem parte dos cuidados que devemos ter constantemente.

Conheça os principais sinais e sintomas da Hanseniase:

* Manchas esbranquiçadas, avermelhadas ou amarronzadas, em qualquer parte do corpo. Com perda ou alteração da sensibilidade térmica ( ao calor ou frio), tátil (ao tato) e a dor.

*Áreas com diminuição de pelos e suor.

*Dor e sensação de choque, formigamento, fisgadas ou agulhadas, ao longo dos nervos dos braços de das pernas.

*Inchaço de mãos e pés.

*Diminuição da sensibilidade e/ ou força muscular da face, mãos e pés, devido a inflamação dos nervos, que nesses casos podem estar engrossados e doloridos.

*Ressecamento dos olhos; entre outros.

UNIVIDA TRATANDO VOCÊ COM AMOR!