Febre Hemorrágica

O Ministério da Saúde confirmou no dia 20 de janeiro de 2020, um caso de óbito por Febre Hemorrágica. Tornando este assunto, um dos mais comentados, causando preocupação e alerta.

A Febre Hemorrágica é uma doença rara e de alta mortalidade. Podendo ser causada por quatro tipos de vírus: arenavírus, filovírus, bunyvírus ou flavivírus.

Após a contaminação os sintomas costumam surgir de 7 a 21 dias, incluindo:

* Febre, dor de cabeça, dor abdominal intensa, prostração, hipotensão , sonolência, tontura e confusão mental.

Em seguida ocorre o comprometimento hepático e sinais de hemorragia.

A Febre hemorrágica tem rápida evolução e alto risco de morte.

Segundo os cientistas, o principal modo de transmissão da doença é através da inalação de partículas de excretas ( fezes e urina) de roedores silvestres contaminados.

É possível que haja transmissão entre humanos contaminados com pessoas mais próximas ou em ambientes hospitalares pelo sangue, urina, fezes, saliva, vômito e sêmen.

Quanto a prevenção, a melhor maneira é a constante limpeza de espaços em geral que haja a presença de roedores silvestres. Evitando o contato com fezes e urina, utilizando sempre máscaras, luvas e equipamentos de proteção.

UNIVIDA TRATANDO VOCÊ COM AMOR!




logo_univida1.png
  • Facebook ícone social
  • Instagram

Horário de funcionamento

De segunda a sexta das 7:30h às 17:00h

SEDE DO PLANO DE SAÚDE UNIVIDA


Rua Marechal Deodoro, 1064 – Centro (Ao lado da Santa Casa)
Santa Rita do Passa Quatro – SP Contato: (19) 3582-3252

ans_logo_horiz.gif

2019 Desenvolvido por Brod's Propaganda